Qual é a diferença entre suco natural, de polpa, caixinha… ?

sucosSinônimo de alimentação saudável, os sucos estão presentes em todos os tipos de dietas. Mas realmente, será que todos os tipos de suco são saudáveis? Conheça abaixo, todos os tipos de sucos comercializados e quais são seus prós e contras, e a partir disto, selecione o mais adequado a sua dieta.

1) Suco Natural: O suco natural é obtido a partir do processamento da fruta métodos mecânicos (ex: liquidificador, processador, pilão,…). O suco é sendo 100% natural, sem adição de água, conservantes e aditivos. Porém há casos em que se necessita um mínimo de água para extração do suco, a exemplo de frutas como caju, cupuaçu, frutas tropicais em geral. Em termos de vitaminas e nutrientes, o suco natural é a opção mais saudável. Por ser concentrado, dependendo da fruta, o suco pode ser calórico e possuir alto índice glicêmico, pacientes em dietas restritivas devem atentar as informações nutricionais de cada suco.

2) Néctar: O néctar possui cerca de 20-30% de suco junto a água e açúcar. Costuma ser comercializado em caixinhas ou latas, pronto para o consumo. Novamente ressalta-se a importância de atentar aos valores nutricionais de cada néctar antes de seu consumo, sendo importante verificar a quantidade de açúcar.

3) Bebida em caixinha: Possui menor teor de polpa de fruta que o néctar. Ainda possui corantes artificiais, aromatizantes e conservantes. Devido a presença destas substâncias químicas, o consumo de sucos de caixinha não é recomendado a crianças. O suco de caixinha possui menor quantidade de açúcar, podendo ser consumido por pessoas em dietas.

4) Polpa Congelada: Trata-se do suco ou néctar da fruta comercializado em porções individuais. No processo de congelamento, a fruta perde parte de suas propriedades nutricionais.

5) Desidratado: O suco desidratado é o suco de pozinho. Possui um teor baixíssimo de polpa, cerca de 1%, além de diversas substâncias químicas. Seu consumo deve ser evitado.

6) Orgânico: Feito a partir de frutas orgânicas, sem agrotóxicos. Costumam ser mais caros.